Home Categoria "Jogo Responsável"
< Voltar

Jogo Responsável

ANU: Novas formas de direcionar problemas identificados com o jogo

22/02/2019

Novas percepções sobre o vício em jogos de azar daqueles que experimentam seus efeitos prejudiciais ajudarão a informar tratamentos e intervenções mais eficazes

Domingo é Dia Internacional do Jogo Responsável

Jogo Responsável é um conjunto de ações adotadas por quem administra loterias e apostas

Dia 17 de fevereiro é comemorado o Dia Internacional do Jogo Responsável. O Jogo Responsável é um conjunto de ações adotadas por quem administra loterias e apostas com o objeti...

15/02/2019

Psiquiatras discutem abordagens e formas de tratamento para jogo patológico ou compulsivo

Transtorno é a 3ª maior causa de dependência, atrás apenas do álcool e do tabacoPsicólogos, estudantes de psicologia, psiquiatras, residentes em psiquiatria, terapeutas ocupacionais e demais profissionais da área estarão reunidos em S&atil...

15/04/2015

Provedor de Justiça questiona governo sobre medidas para proteger jogadores compulsivos em Portugal

Secretário de Turismo informou que já foram instalados em todos os cassinos os novos sistemas de Circuito Interno de Televisão que permitem a identificação dos jogadores interditadosO Provedor de Justiça de Portugal pediu explicações ao Governo sobre medidas a adotar para melhor controlar a entrada nos cassinos dos jogadores com acesso int...

22/02/2015

O jogo patológico é uma condição difícil de classificar

Uma nova pesquisa apresentada no Congresso da Academia Europeia de Neuropsicofarmacologia realizada em Berlim, na Alemanha, lançou uma nova luz sobre o que acontece no c&eac...

30/10/2014

Jogos clandestinos são os que causam maior dependência

Os jogos a dinheiro que causam maior dependência em Portugal são os clandestinos de cartas, seguidos dos ciberjogos e das slot machines. Dos jogos explorados pela SCML, o Euromilhões é aquele que mais vende, mas é também "o menos problemático". No lado oposto, os que causam mais vício é o Totobola e a Loteria

Os jogos clandestinos de cartas, o ciberjogo e as slot machines são os que causam maior dependência aos portugueses, revela o estudo "Dependência do jog...

13/09/2010

O vício é o prêmio

Jogadores perdem patrimônio e até família no bingoCaxias do Sul - A aura de diversão e adrenalina que envolve as casas de bingo e caça-níqueis oculta um problema social ignorado por muitos: jogadores compulsivos que ...

22/10/2005

Largar o jogo é mais difícil do que o cigarro.

"No começo, era só adrenalina e vontade de ganhar dinheiro. Depois, era adrenalina e vontade de recuperar o dinheiro. Aí, você se afunda mais e mais." Tiago,...

06/09/2005

Jogadores compulsivos: Mulheres em busca de ajuda.

A quantidade de mulheres que hoje procuram associações anônimas de jogadores compulsivos patológicos tem crescido significativamente desde 2003.‘‘N&...

16/08/2005

Drausio Varela entrevista Hermano Tavares

Drauzio - Gostaria que você discutisse o fenômeno dos bingos.Hermano - Uma coisa que precisa ser dita com todas as letras é que o jogo não é proibi...

04/08/2005

Jogadores compulsivos ainda são um desafio para psiquiatria

Falta de pesquisas científicas impede a descoberta de novos tratamentosJogar sem conseguir parar, até perder o que se tem e ainda endividar a família. Prometer-se jogar apenas uma vez, mas apostar mais uma e outra, até o arrependimento t...

04/08/2005

Veja mais

Notícias Relacionadas

22/11/2016

STF decidirá se proibição de jogos de azar prevista em legislação de 1941 é compatível com a Constituição

Ministério Público do Rio Grande do Sul questiona acórdão da Turma Recursal dos Juizados Especiais Criminais no estado que considerou atípica a conduta de exploração de jogo de azar

30/04/2004

Cassinos americanos vão rastrear jogadores.

SÃO PAULO - Até o fim de 2004, as fichas que circulam nos cassinos dos EUA, onde o jogo é permitido, carregarão chips de identificação por...

18/04/2017

Legalização de jogos de azar no Brasil ainda sem consenso

O assunto é discutido atualmente tanto no Senado como na Câmara dos Deputados e, apesar de existirem já muitos modelos de sucesso em outros países do mundo, existe ainda um medo inerente de que os cassinos online e apostas esportivas possam vir a estar ligados a atividades criminosas; para o ministro Marx Beltão, os cassinos devem estar integrados a grandes resorts e grande parte do dinheiro arrecadado deve ser direcionado para as áreas da educação, saúde e previdência